VOLUS

Trabalho híbrido: veja tudo o que um gestor precisa saber!

“Trabalhe de qualquer lugar” é o novo mantra para a era pós-pandemia, por isso o trabalho híbrido está tão em alta. Empregadores e suas equipes estão retomando as atividades, mas nada mais é como antes.

A crise que impactou todos os setores também ensinou bastante. Afinal, nada é tão ruim que não possa nos fazer evoluir, não é mesmo? Nesse cenário, o trabalho remoto teve um grande impulso e mostrou todo o seu potencial.

Empresas e funcionários perceberam que trabalhar em casa tem muitos benefícios. Porém, em alguns casos, é preciso ir ao escritório para resolver demandas importantes ou fazer reuniões. Então, por que não unir o melhor dos dois mundos?

Quer saber mais sobre as diretrizes do trabalho híbrido e como ficam os benefícios corporativos neste novo formato? Acompanhe este artigo!

O que é trabalho híbrido? 

O trabalho híbrido é uma política flexível que permite às pessoas escolherem onde (e quando) trabalhar — normalmente um equilíbrio entre a casa e o escritório.

Em geral, a equipe pode ter horários definidos ou pode ter mais liberdade para decidir os dias que o trabalho será executado na empresa e em casa. Para isso, boas tecnologias são indispensáveis.

Afinal, colaboradores que trabalhavam apenas presencialmente passaram a exercer suas funções de forma híbrida. Ou seja, unindo os benefícios dos dois modelos.

Mulher participando de videoconferência do trabalho no conforto de sua casa.

Vale dizer que o trabalho híbrido ajuda na motivação do time. Escolher onde e como trabalhar é uma demonstração de confiança em seus funcionários e isso pode influenciar positivamente em seus resultados. 

Porém, tanta flexibilidade exige disciplina e responsabilidade. Por isso, é importante que a empresa saiba como mensurar a produtividade de cada pessoa e promover treinamentos sobre boas práticas no home office.

Quais as características do trabalho híbrido?

Está pensando em adotar essa ideia em seu negócio? Então, você precisa conhecer as características essenciais do trabalho híbrido. Confira!

Flexibilidade

Os funcionários podem estar espalhados por fusos horários e países, trabalhando em horários diferentes. Com isso, têm necessidades diferentes e precisam contar com ferramentas flexíveis que se adaptam a essa nova forma de trabalhar. 

Lembrando que a flexibilidade beneficia não apenas o colaborador. A empresa se torna mais ágil e apta a solucionar problemas em tempo real. 

Inclusão

O trabalho híbrido é inclusivo. Isso significa que as organizações fazem tudo o que é necessário para garantir que todos os seus funcionários tenham experiências iguais no trabalho.

As empresas que apostam no método se beneficiam de um ambiente corporativo onde todos podem participar plenamente, pois têm liberdade para falar e expor suas ideias. Isso é fomentado pelo uso da tecnologia.

Assim, o empregador que deseja promover a inclusão deve ter o cuidado de escolher as ferramentas de colaboração certas. Elas devem ajudar a eliminar quaisquer barreiras linguísticas entre funcionários e equipes, garantindo que trabalhem felizes e em harmonia.

Colaboração

A recente crise global de saúde transformou o trabalho como o conhecíamos, mas abriu espaço para que os próprios funcionários, em conjunto com as empresas, dessem um novo sentido a ele. A ascensão do ambiente de trabalho híbrido é uma prova disso.

Para apoiar essa visão, as empresas precisam promover uma mentalidade de apoio e colaboração em todos os níveis. Isso ajudará a garantir que os trabalhadores se sintam confortáveis ​​com as maneiras de trabalhar e se sintam seguros, protegidos, apoiados e incluídos.

As organizações também precisarão investir na construção de redes e locais de trabalho mais inteligentes, incluindo edifícios mais inteligentes. A ideia é apoiar sua força de trabalho e se preparar para o futuro que já é realidade em muitos países.

Segurança

O sucesso desse modelo depende da conectividade confiável e segura. Isso ajuda a garantir que todos os membros da equipe trabalhem de qualquer lugar, sem expor os dados da empresa a riscos desnecessários. 

Na prática, a organização dá todas as ferramentas para que seus colaboradores consigam trabalhar como se estivessem dentro da empresa. Porém, isso é feito de forma segura e preza pela segurança de dados. 

Gestão de TI eficaz

O modelo de trabalho híbrido é complexo e dinâmico, exigindo uma abordagem diferente de gestão de TI. As equipes de TI devem ser capazes de:

  • provisionar usuários e dispositivos em escala e com facilidade;
  • Acessar análises robustas e relevantes;
  • proteger e solucionar problemas dos usuários relacionados aos dispositivos, aplicativos e ambientes em qualquer lugar.

Os benefícios de trabalho híbrido

O grande trunfo do trabalho híbrido é provar que uma empresa pode alcançar o sucesso dando liberdade para que seus funcionários trabalhem de fora da empresa em determinados momentos. Para isso, basta fornecer as ferramentas adequadas. 

Não há dúvidas de que o modelo atende a uma demanda do trabalhador moderno: o melhor equilíbrio entre a vida pessoal e profissional. Afinal, pais conseguem ser mais presentes na vida dos filhos e desfrutam de momentos que, antes, eram difíceis de serem vivenciados.

Homem trabalhando de casa perto dos filhos e esposa.

Vejamos mais alguns de seus benefícios:

  • dá às empresas a chance de considerar quais práticas, processos e ferramentas são necessários para comunicação e colaboração entre os funcionários;
  • ajuda a economizar recursos com despesas operacionais;
  • aumenta a qualidade e a diversidade no recrutamento, já que a geografia deixa de ser um fator eliminatório;
  • apoia a saúde e o bem-estar dos funcionários.

Como o modelo de trabalho híbrido melhora a cultura da empresa?

Como vimos, o trabalho híbrido pode fornecer aos funcionários mais flexibilidade, tempo livre e autonomia. Esse equilíbrio entre vida profissional e pessoal faz com que eles se sintam valorizados enquanto seres humanos.

Quando um profissional se sente respeitado e valorizado, é normal se dedicar ainda mais para o sucesso do negócio. Portanto, implementar essa ideia é uma oportunidade de investir em uma cultura empresarial motivadora, fluida, dinâmica e positiva.

Por que gestores de RH devem se preocupar com o modelo de trabalho híbrido?

Os líderes de RH podem ajudar os funcionários a estabelecer um sistema que atenda às suas necessidades e personalidade. 

Por exemplo, um recém-formado pode esperar as sessões de treinamento presencial e as interações sociais do trabalho no escritório. Já o funcionário experiente e com filhos pequenos pode se beneficiar com a oportunidade de trabalhar em período integral ou parcial, remotamente. 

Funcionária feliz com o trabalho híbrido, cumprindo seu horário em casa.

A liberdade de escolher o estilo de trabalho desejado pode revigorar os funcionários, levando a maior: 

  • retenção;
  • engajamento;
  • produtividade. 

Trabalho híbrido: o que é obrigatório?

Embora o trabalho híbrido tenha uma lista extensa de vantagens, ele ainda não está regulamentado pela CLT. Mas o empregador pode se basear no modelo de trabalho home office — previsto na CLT desde 2017 com o teletrabalho, de acordo com a Lei nº 13.467, da reforma trabalhista.

Assim, ele pode ter uma noção do que é obrigatório e o que não é. Por exemplo, com base no art. 2º da CLT, trabalhando remotamente, o funcionário deve ser reembolsado pelos custos que isso possa gerar.

É importante ressaltar que a MP 927/20, elaborada ainda no ano passado, serviu para assegurar empregos e oportunidade desses colaboradores trabalharem de casa. Porém, é necessário que as empresas façam um aditivo nos contratos de trabalho.

A modalidade home office deve estar documentada, o que protege a empresa e o funcionário. E sobre os benefícios corporativos? Nesse caso, a grande mudança está no fato de que as organizações devem se preocupar ainda mais com o bem-estar do colaborador. Saiba mais!

Vale-alimentação e vale-refeição no trabalho híbrido

Oferecer um bom pacote de benefícios é essencial, especialmente em tempos de trabalho híbrido. Isso porque, essa é uma forma de demonstrar preocupação com sua equipe e mantê-la motivada e engajada. 

Mesmo não sendo obrigatórios, o vale-alimentação e o vale-refeição podem ser instituídos por acordo ou convenções coletivas e são compatíveis com o trabalho híbrido.  

Trabalho híbrido: como a Vólus pode auxiliar no gerenciamento?

Os últimos anos foram de superação e aprendizado para o setor empresarial. A pandemia trouxe muitos prejuízos, mas reforçou a ideia de que é preciso se adaptar para vencer. 

O ano de 2022 começou diferente, com a esperança de que o caos finalmente chegue ao fim. Além disso, é a oportunidade perfeita para investir no trabalho híbrido. Afinal, o mercado está repleto de tecnologias e estratégias que contribuem para que ele seja implementado.

Assim, os cartões de benefícios da Vólus ajudam a fornecer experiências de trabalho mais motivadoras. Os colaboradores do futuro precisam disso e seu negócio perceberá na prática as consequências positivas de uma decisão inteligente.

Portanto, conte com a Vólus para ter uma gestão eficiente dos benefícios corporativos dos seus funcionários. Acesse nosso site e conheça os nossos serviços. Eles farão a diferença no seu dia a dia!

Compartilhe